Yoga. Espiritualidade. Corpo.
Header

A Ioga, o Yoga…como eu escrevo e como se fala?

junho 11th, 2009 | Posted by Ana Toledo in Display - (Comentários desativados em A Ioga, o Yoga…como eu escrevo e como se fala?)
Yoga

Yoga

De acordo com o dicionário Aurélio, a palavra em português é grafada com I, é feminina e tem o O aberto como em pó. Então podemos falar: “Estou indo para a Ioga.”

Contudo, a grande maioria dos praticantes, hoje em dia, fala com O fechado, escreve com Y e usa o gênero masculino.

Em sânscrito, a grafia é essa, bem como em inglês. Em ambas, o O é fechado. Assim, podemos falar também: “Estou indo para o Yoga.” Agora, decida-se…pode falar “a Ioga” ou “o Yoga”, a primeira com o som de Ó e a segunda, Ô.

Aqui no site, usarei sempre o segundo caso. Porém, os adjetivos e substantivos relativos ao Yoga serão usados na forma aportuguesada: iogue, por exemplo.

Aula de yoga ou aula de ioga!? O importante é praticar!

Acesse a página Iniciantes ou Professores para conhecer melhor o mundo do Yoga, além de excelentes professores de yoga.

B.K.S. Iyengar – vídeo de Guruji praticando em 1938

junho 9th, 2009 | Posted by Ana Toledo in Sem categoria - (Comentários desativados em B.K.S. Iyengar – vídeo de Guruji praticando em 1938)

Este vídeo é de BKS Iyengar (fala-se AIENGAR) com 20 anos.

Apreciem sem moderação…

httpv://www.youtube.com/watch?v=lmOUZQi_6Tw

Sobre Patanjali – Parte I

junho 9th, 2009 | Posted by Ana Toledo in Sem categoria - (Comentários desativados em Sobre Patanjali – Parte I)

patanjali

Bibliografia

Para os artigos a seguir, utilizarei o livro de BKS Iyengar “Light on the Yoga Sutras of Patanjali”.

Para uma leitura complementar e igualmente fundamental, recomendo o livro “The Yoga Sutras of Patanjali” de Edwin Bryant.

Quem foi?

Acredita-se que Patanjali pode ter vivido entre 500 e 200 a.C. ou até nos primeiros séculos da era Cristã, mas sua história é cercada de lendas.

Não se sabe ao certo se ele era um indivíduo ou um grupo de pessoas…o que se tem são suas obras. Elas abrangem três campos do conhecimento humano: medicina, gramática e yoga.

Yoga Sutras

Seu tratado em yoga, Yoga Sutras, é fundamental para o estudo do yoga. Ele é composto por 196 sutras ou aforismos. Diferentes escolas interpretam os aforismos de acordo com sua ótica particular.

Minha referência será o Iyengar Yoga, sempre baseada no livro “Light on the Yoga Sutras of Patanjali” de BKS Iyengar.

Patanjali divide seu tratado em quatro partes: Samadhi Pada, Sadhana Pada, Vibhuti Pada e Kaivalya Pada.

Nos Yoga Sutras, encontramos vários temas e definições importantes, como, por exemplo, a definição de Yoga e sua divisão em oito partes – yamas (restrições morais), niyamas (observâncias), asanas (posturas físicas), pranayama (controle da respiração), pratyahara (interiorização dos sentidos), dharana (concentração), dhyana (meditação) e samadhi (união completa com o Universo).

No próximo artigo, Sobre Patanjali – Parte II, falaremos sobre os quatro capítulos dos Yoga Sutras de Patanjali.

Ex-professora de yoga é recordista mundial de mergulho em apneia

junho 7th, 2009 | Posted by Ana Toledo in Sem categoria - (Comentários desativados em Ex-professora de yoga é recordista mundial de mergulho em apneia)

Sarah Campbell, ex-professora de yoga

Sarah Campbell, ex-professora de yoga

Olha o que descobri hj…em abril de 2009, uma ex-professora de yoga, a britânica Sarah Campbell, bateu o recorde mundial de mergulho em apneia.

Ela desceu 96 m somente com o traje acima para ajudá-la…sem equipamento algum.

A britânica entrou no esporte há poucos anos desde que seus alunos, observando sua capacidade de prender a respiração durante os exercícios de pranayama, a incentivaram a experimentar este esporte.

Neste mergulho, ela ficou 3 minutos e 36 segundos sem respirar…incrível!

Diferença entre as modalidades de yoga

junho 5th, 2009 | Posted by Ana Toledo in Sem categoria - (Comentários desativados em Diferença entre as modalidades de yoga)

aula_yogaO propósito do yoga é a iluminação espiritual. A tradução da palavra em sânscrito (união) significa a integração do corpo e da mente, criando uma conexão com a pura essência do indivíduo. A filosofia do yoga é muito vasta e foi dividida em várias partes.

Hatha Yoga é uma parte desta filosofia e engloba a maioria das práticas físicas que achamos facilmente hoje no ocidente. Todos os estilos de yoga mencionados aqui são modalidades de Hatha Yoga.

Principais modalidades ou estilos de yoga

Todas as modalidades de Hatha Yoga trabalham flexibilidade e força nas posturas. Contudo, há diferenças conceituais e filosóficas importantes entre elas.

Há práticas mais vigorosas, do estilo Vinyasa, que combinam uma sequência de posturas à respiração ritmada para um trabalho corporal intenso. Neste grupo, encontram-se Ashtanga Yoga, Power Yoga e Bikram Yoga (ou Hot Yoga).

Existem modalidades que são muito atentas aos detalhes, principalmente Iyengar Yoga. No Iyengar Yoga, as posturas são sustentadas por mais tempo para que o praticante consiga perceber e trabalhar melhor seu corpo buscando sempre um melhor balanceamento e alinhamento de todos os músculos e articulações.  O uso de inúmeros acessórios permite que todos possam executar as posturas, extraindo delas o maior benefício possível. Ao mobilizar a mente com o intuito de buscar essa simetria e equilíbrio em todas as posturas, o corpo, neste método, se torna um suporte para a meditação.

Estilos mais suaves como Yoga Integrativa e Yoga Integral são facilmente encontrados.

Inclusive, é bastante comum também encontrarmos aulas denominadas Hatha Yoga. Neste caso, é sempre bom perguntar ao professor como será a aula. Muitas vezes, as aulas denominadas Hatha Yoga são uma mistura de dois ou mais estilos de acordo com cada professor e as variações são grandes.

Esses são alguns dos estilos mais difundidos no ocidente, mas há ainda outros…o mais importante é experimentar para escolher aquele que lhe proporcione mais benefícios.

Explicações sobre o blog…

junho 5th, 2009 | Posted by Ana C Toledo in Sem categoria - (Comentários desativados em Explicações sobre o blog…)
Blog

Blog

Para aqueles que não estão familiarizados com um blog…

:: para ver todos os posts existentes, há uma lista aí a direita com os últimos além do arquivo com os artigos antigos…é só clicar e escolher o que quer ler.

:: para navegar nas outras páginas, clique em cima das abas lá em cima, onde está escrito “Cursos de Yoga no Rio e no Brasil”, “Aulas de Yoga para Iniciantes”,…e por aí vai.

:: para falar comigo, acesse a página CONTATO

:: no mais, é só ir clicando nos links e páginas e navegar sem compromisso… e não tenha medo!

Namastê

Piadinha para praticantes de Iyengar Yoga

junho 4th, 2009 | Posted by Ana Toledo in Sem categoria - (Comentários desativados em Piadinha para praticantes de Iyengar Yoga)
Bloco de madeira para a prática de Iyengar Yoga

Bloco para Yoga

Na última aula, ouvi a seguinte piadinha sobre o uso dos acessórios no Iyengar Yoga…ela foi contada por um professor, Manouso Manos, ma-ra-vi-lho-so que esteve aqui no mês passado para um Workshop de Iyengar Yoga:

Quantos praticantes de Iyengar são necessários para trocar uma lâmpada? Somente 1 (desde que ele tenha 3 cobertores, 2 cintos, 2 blocos, 1 almofadão, 1 cadeira…).

Ai, minha lombar!

junho 4th, 2009 | Posted by Ana Toledo in Sem categoria - (Comentários desativados em Ai, minha lombar!)
Urdhva Hasta Padasana com suporte
Exercício – aprendendo a esticar as pernas

As reclamações mais frequentes que levam as pessoas para o yoga são: problemas na cervical, problemas nos joelhos e…dor lombar!  E as pesquisas realmente vêm sugerindo a eficácia do yoga no tratamento de grande parte dos casos de dores lombares.

Porém, as dores são causadas por uma infinidade de fatores e dar uma receita de tratamento única não é possível…a consulta a um médico é sempre recomendada.

Exercício para dor lombar

Deixo, então, a dica de um exercício que, na maioria das vezes, traz algum alívio, se praticado regularmente, para os casos das dores nas costas mais comuns: deitar no chão, o mais próximo possível de uma parede.

Apoiar as duas pernas na parede, retas como na foto acima, sem deixar o quadril se levantar do chão. Contudo, se tiver que escolher entre esticar as pernas ou se aproximar da parede, escolha manter as pernas esticadas e vá, com o tempo, chegando mais pertinho da parede…se precisar de uma apoio para a cabeça, use um para relaxar o seu pescoço.

Fique o tempo máximo que vc puder ou conseguir, pelo menos 3 minutos.

Simplesmente feche os olhos e respire calma e profundamente…(na foto, os braços estão esticados para trás, mas para uma posição calmante, relaxante e confortável é melhor descansar os braços ao lado do corpo com as palmas das mãos viradas para cima).

Procura por aulas de Yoga aumenta durante a crise mundial

junho 4th, 2009 | Posted by Ana Toledo in Sem categoria - (Comentários desativados em Procura por aulas de Yoga aumenta durante a crise mundial)
Tapete de yoga Manduka

Tapete de yoga Manduka

Saiu um artigo bem interessante da Revista Time (mais uma vez em inglês, mas sempre há a opção de tradução do navegador). Segundo a Revista, o tapete de yoga (mat) teve suas vendas aumentadas após a recessão mundial.

Por incrível que pareça, a procura por aulas de yoga após a recessão também aumentou: ou as pessoas estão estressadas porque perderam seus empregos ou precisam estar calmas para conservarem os seus…

Significado de Namastê

maio 30th, 2009 | Posted by Ana Toledo in Display - (2 Comments)

namaste
Namaste é uma saudação, uma forma de reverência que pode ser da seguinte forma  interpretada:

“A minha luz interior saúda a luz interior que brilha dentro de você”

O gesto

Geralmente, unem-se as mãos em frente ao peito, na altura do chakra do coração, em profundo sinal de respeito, inclinando-se a cabeça na direção das mãos.

O sinal também pode ser feito levando as mãos em frente ao ponto do terceiro olho e flexionando a cabeça em direção às mãos de olhos fechados e, em seguida, levando às mãos em frente ao coração. Não é obrigatório dizer Namaste ao mesmo tempo em que se faz o gesto.

Saudação comum nas aulas de yoga

Em uma aula de yoga, na maioria das vezes, o professor saúda seus alunos ao término da prática com este gesto em sinal de respeito e gratidão, celebrando não só a conexão entre ele e os alunos presentes à aula, mas também a conexão daquele grupo com toda a linhagem de mestres que possibilitou aquele momento.

No yoga e na tradição oriental de forma mais ampla, o cultivo de uma relação clara, pura e límpida entre mestre e aluno é de tal forma inerente ao estudo da matéria em si e tão valorizado que várias são as representações de respeito e exaltação a esta conexão, sendo a saudação de Namaste nesse contexto uma manifestação e lembrança recorrente deste aspecto.

Partindo do fundo do coração,  Namaste é uma saudação sincera, que reconhece a mesma essência dentro de cada um, apesar de nossas claras e naturais diferenças.

Patanjali

maio 30th, 2009 | Posted by Ana Toledo in Sem categoria - (Comentários desativados em Patanjali)
Patanjali
Patanjali

É com a Invocação a Patanjali que começamos a aula na maioria das vezes.

Pelo interesse e falta de informação de grande parte dos alunos, vamos apresentar aos poucos um pequeno resumo da imensa e fundamental obra de Patanjali sobre Yoga, os Yoga Sutras de Patanjali.

Nosso próximo artigo, Sobre Patanjali – parte I, começará a tratar de forma bastante acessível e concisa o assunto do famoso tratado filosófico indiano.

Acima, uma das muitas representações de Patanjali.